Revoada

Revoada

Práticas artísticas insurgentes

Apresentação

Como artistas, a partir de suas investigações e poéticas, enfrentam as relações de poder do sistema hegemônico? Como essas dinâmicas histórico-institucionais atravessam nossos modos de existência, nossos desejos e nossas práticas? Quais cosmovisões e modos de vida atuam e são representados no campo das artes?

Neste grupo de estudos, pensaremos juntes as possíveis tensões, discursos e práxis através do compartilhamento de trabalhos e trajetórias dos mais diversos corpos que atuam nas artes, ampliando assim nossos repertórios ao considerarmos múltiplas identidades.

Vamos analisar a arte como um lugar de produção de resistências e enfrentamentos, fundamentais para provocar fissuras numa estrutura hegemônica que nos impõe uma falsa ideia de universalidade e ocupa os espaços de poder em detrimento da diversidade.

O grupo terá um módulo único com 4 unidades (8 encontros) onde estudaremos linguagens como fotografia, arte têxtil, performance e instalações, a partir dos eixos COR, TEXTURA, ESPAÇO e MOVIMENTO.

Alguns dos artistas trabalhados neste curso são: Rosana Paulino (Brasil), Grada Kilomba (Portugal), Frida Orupabo (Alemanha) e Ventura Profana (Brasil).

Antes de iniciar seus estudos, conta pra gente o que te trouxe e o que espera. A gente quer te oferecer a melhor experiência possível.
Clique aqui
.